como milhões passam fome
em nosso país
dito o ‘celeiro do mundo’?

nosso problema
é a riqueza ou
a canalhice
em excesso?

estar pronta pra desunião
seria a sina das Nações Unidas?

é possível atuar com impacto
sem ser pró-mercado?

é justo cobrar teoria de mudança
matriz de indicadores e
auditoria externa
numa organização que recém
abriu suas portas?

onde os fundos não chegam
é onde deveríamos atuar?

se pararmos de fazer perguntas
qualquer resposta
qualquer destino
e
qualquer ferramenta
serão possíveis

infelizmente
há pouco espaço-tempo
para perguntas

sobretudo
as incômodas

#impactonaencruzilhada

1 comments

Comments are closed.

Penso que você vai gostar

envelhecer

“foi-se o tempo em que a vida dava tudo de bom e…

meu unicórnio era um pangaré

que ótimo! apostei todas as fichas no unicórnio dourado mas logo após…