qdo comecei a trabalhar

no

campo socioambiental

 

(bem antes desse papo

de impacto começar)

 

eu queria mudar o mundo

(ainda quero)

 

mas

 

com o tempo

as coisas

ficaram

em perspectiva

perdi

cabelo, paciência, colegas

 

ganhei

vivência e experiência

 

muita coisa mudou

de lá pra cá

 

embora

outras

sigam na mesma

 

donos da bola

seguem sendo

os caciques do setor

 

e

nós

 

orbitamos ao seu redor

 

aos entrantes

na

fantástica fábrica

do impacto

um aviso:

 

a transformação

que

tanto buscamos

 

acontece

muito além

das redes sociais

de pitches ensaiados

de caça a unicórnios

e

de

org premiadas

 

é lá na ponta

no chão

dessa fábrica

do impacto

que

o tal de

impacto

acontece

 

sem glamour

sem hashtag

sem ESG pra sair

na foto

 

se isso

te faz perder

seu tesão

de

estar aqui

 

melhor então

repensar seu

‘mindset’

#impactonaencruzilhada

Penso que você vai gostar

Sessão da tarde

Um fenômeno vem intrigando o Linkedin conteúdos que ficam em ‘looping’ tipo…